Pesquisar este blog

sábado, 13 de março de 2010

Visitas na maternidade

Antes de ter um bebê eu achava que o melhor local para visitar um recém-nascido era na maternidade. Pensei assim: lá tem monte de gente para ajudar: enfermeiras, médicos, etc. Mas, depois de viver a experiência mudei completamente de idéia. Peço desculpas antecipadas se alguém se sentir ofendido, porque sei  que nem todas as mulheres que dão à luz  passam pelas mesmas experiências. O que escrevo aqui é um relato muito individual.

Como minha família é de fora, os amigos do meu marido e meus colegas de trabalho fizeram o maior esforço para nos alegrar e nós somos muito gratos por isso. Mas, apesar da enorme alegria que as visitas me proporcionaram, elas me deixavam tensa e cansada. Eu queria dar atenção, contar minha experiência, mas estava dolorida da cirurgia, me sentindo estranha em "ser mãe" e preocupada com a amamentação. Além disso,  estava exausta porque a cada 3 horas uma enfermeira me acordava para me dar remédios e amamentar o Léo. E tem mais um fator complicador: a falta de privacidade. Eu fiquei de camisola na frente de pessoas que eu mal conhecia !!! Pior um pouco, mostrei os seios. No começo isso é muito estranho isso!

O tempo passa, o sono acumula, e a gente tenta ser agradável com as pessoas, tenta conciliar os horários das mamadas, banhos (seu e do bebê), refeições e do sono ... mas a verdade é que  nós ficamos sem horário para nada! É complicado pedir licença para ir tomar banho, usar o banheiro ou jantar sozinha, com as visitas te olhando. O sentimento é tão ambíguo: ao mesmo tempo que eu estava feliz com as visitas eu estava cansada com a presença delas.

A Cláudia Matarazzo escreveu um post chamado "Maternidade Moderna"  onde eu concordo com quase tudo. Mas a parte principal eu trancrevo a seguir:

"De verdade, acho que é um momento de recolhimento. Uma oportunidade para estar sozinha com o marido e os pais. Talvez uma ou outra melhor amiga - mas muito amiga mesmo. O resto - visitas, paparicação, apresentação ao mundo, e exibição dos rebentos - pode e deve esperar pelo menos um mês. Que passa rapidinho e é ótimo para devolver a perspectiva para quem está mergulhado em uma nova e mágica rotina : ser mãe."

 Isso mesmo: é um momento de recolhimento. Então,  visita só depois de um mês, em casa e breve!

Nenhum comentário:

Postar um comentário